Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Filosofia a Distância / Sobre / Por que escolher o curso de Filosofia?

Por que escolher o curso de Filosofia?

Muitos motivos para você cursar Filosofia na Metodista:

1 – CONVERGÊNCIA ENTRE ENSINO E PESQUISA

O curso de filosofia da Metodista oferece sólida formação, tratando dos principais autores e temas da tradição filosófica. Além das teleaulas, os discentes são incentivados à produção acadêmica nas atividades dos diferentes módulos do curso por meio do Congresso Científico, que reserva espaço para a participação dos discentes da modalidade a distância em grupos de estudo sobre textos de filosofia contemporânea.

2 – PRODUÇÃO ACADÊMICA

O curso mantém a revista acadêmica “Páginas de Filosofia” que acolhe reflexões sobre diferentes temas da tradição filosófica. O livro “Curso (In)completo de Filosofia”, publicado pela Editora Metodista, reúne textos dos docentes sobre os principais temas que compõem o currículo do curso de filosofia da Metodista. Além disso, os professores dialogam com outros interessados pela filosofia por meio de publicações de grande circulação, como a revista “Conhecimento Prático” (números 24, 25 e 26) e “Filosofia dia a dia”.

3 – RECONHECIDA TRADIÇÃO

O curso de filosofia na modalidade a distância nutre da tradição da modalidade presencial. Oferecido na região do ABC há mais de 15 anos, com professores qualificados, tendo sempre como prerrogativa o respeito pelo que acreditam os discentes, o fomento pelo olhar crítico em relação a outras formas de saber e também uma própria leitura do que é a filosofia, o seu envolvimento com a licenciatura e com os seus mais diversos modos de aplicação. (Aluno do último semestre/2010).

4 – QUALIDADE DE ENSINO

Escolhi o curso na Metodista por que tanto o currículo como a possibilidade de estudar a distância se encaixaram nos meus desejos e possibilidades. Agora no último semestre do curso, posso atestar a boa qualidade do material e ensino oferecido pela Metodista. Por sermos o primeiro grupo, tivemos desafios nas questões administrativas e logísticas, mas isso não comprometeu a qualidade do ensino. Acredito que escolhendo a Metodista, optei por uma das melhores formações do setor privado. O conhecimento adquirido servirá de ponto de partida para outras "aventuras" acadêmicas. (Aluna do sexto semestre/2010).

5 – EXCELÊNCIA

O destaque que o aluno de filosofia tem ao pensar de maneira crítica a realidade em que vive é algo que deve ser levado em conta. Penso que, nos dias de hoje, algumas profissões estão saturadas, mas não pelos profissionais que são, de fato, excelentes naquilo que fazem. Por uma série de razões, muitas pessoas trabalham em sua área de interesse sem pensar de maneira profunda aquilo que fazem. Porém, o raciocínio filosófico oferece ferramentas necessárias para que se pense com maior profundidade e coerência a realidade atual. Creio que esse pensamento reflexivo e crítico seja um destaque que a formação filosófica favorece. (Aluna do sexto semestre/2010)

6 – FINANCIAMENTO ESTUDANTIL - FIES

O curso de filosofia da Metodista tem nota 3 na avaliação do MEC. Isso indica a qualidade da formação e estrutura que oferece, o que permite que o interessado em fazer filosofia na Metodista tenha acesso ao FIES, financiamento estudantil oferecido pelo Governo Federal por meio da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil às instituições que participam desse programa. Recentemente o prazo para pagamento do financiamento foi alterado. Agora o início do pagamento é de 18 meses após o término do curso, e o prazo para pagamento é três vezes maior que a duração do curso. Assim, o estudante de filosofia da Metodista tem até 108 meses para pagar os seus estudos em parcelas fixas. Esse financiamento não requer mais fiador e pode ser contratado antes de ter sido aprovado na Metodista. O programa prevê que se abata 1% da dívida para cada mês trabalhado como professor(a).

7 – ATUAÇÃO PROFISSIONAL

O Brasil precisa de mais de 100 mil professores de filosofia. Há aproximadamente 30 mil professores que ensinam filosofia e apenas 7 mil que têm formação específica. Assim, há espaço de atuação profissional. A docência é a única categoria que tem piso salarial assegurado por lei federal (11.738).  Na visão do CNTE (Condeferação Nacional dos Trabalhadores em Educação) esse piso deve ser de aproximadamente R$1.300,00. Mesmo sem a observância desse valor,  a remuneração do trabalho docente é superior a muitas outras profissões. Há entendimento de que o desenvolvimento do País também passa pelo investimento na educação, constituindo num dos eixos do Ciclo de Desenvolvimento.

8 – ARTICULAÇÃO DE SABERES

A formação filosófica, por sua natureza, lida com temas e problemas na sua radicalidade, servindo de fundamento para qualquer área do conhecimento. Embora inscrita na área de humanidades, a filosofia se debruça sobre qualquer situação que provoque o pensar e seja desafio aos homens e mulheres. Por isso, ela colabora para uma visão, ao mesmo tempo, profunda e articulada da realidade, se apresentando, assim, fundamental para as específicas áreas do conhecimento e de atuação profissional. Desse modo, advogados, psicólogos, teólogos, políticos, administradores, empresários, biólogos, médicos, enfermeiros, educadores, artistas, profissionais da moda, da gastronomia, entre tantos outros, podem ter o seu conhecimento e atuação profissional qualificados com os conhecimentos filosóficos de hermenêutica, antropologia, religião, política, ética, estética, educação, etc.

9 – AMPLIAÇÃO CULTURAL

Os saberes filosóficos e os vínculos que a filosofia possui com os campos político, artístico, cultural e também com o conhecimento e a ciência favorecem a ampliação da percepção da realidade, da cultura, do conhecimento e de nós mesmos.

Comunicar erros

WESLEY DOURADO - COORDENADOR
wesley.jpg
Minicurrículo

 


Receba informações de oferecimento deste curso

Acesso Restrito

Portal do Aluno / Docente
Portal CAPES
INFORMAÇÕES DO CURSO

Modalidade: Licenciatura
Duração: 3 anos

Polo de Apoio Presencial: Confira aqui

Mensalidade: Confira aqui

Reconhecimento: Portaria Nº 244 de 31/05/2013

Avaliação do curso por polo