Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Fateo / Notícias / Sua vida tem graça? Ou é uma vida sem graça? Mensagem da Pastoral Universitária pelo Dia de Ação de Graças

Sua vida tem graça? Ou é uma vida sem graça? Mensagem da Pastoral Universitária pelo Dia de Ação de Graças

25/11/2010 15h18 - última modificação 25/11/2010 16h48

A graça na vida e a vida na graça


No tempo de hoje, onde tudo virou mercadoria, parece não ter lugar para a graça. Tudo é medido, tudo é contado, tudo é precificado. Tudo é mercantilizado. Daí o mercado ser o grande deus de nosso tempo. A ele nos sacrificamos todos os dias. É verdade que o trabalho é fundamental para o ser humano, porém, quantos de nós, por causa do mercado, sacrificamos hora de sono, de convívio com a família e os amigos, de fruição da vida... Marilena Chauí disse recentemente: “saudade do tempo em que lutávamos contra a exploração sobre a produção das mercadorias... hoje nós somos as mercadorias...”

A vida humana passou a ser mercadoria, e a graça parece não ter lugar.

Mas, será que a vida, vivida dessa maneira, tem graça?

Porém, se você notar bem, as coisas mais importantes da vida, as que dão prazer, as que dão sentido ao viver, não tem preço, não podem ser nem compradas – qual o namorado compraria o amor de sua enamorada? Qual o preço que um pai teria que pagar pela vida de seu filho? Quanto você paga pela luz do dia todas as manhãs? – nem vendida...

Eu penso que deixa de ter graça a vida das pessoas que deixam de reconhecer que a graça permeia as nossas vidas e que sem ela, de alguma maneira, a vida não teria como ser vivida.

Penso que esses momentos pequenos ou grandes, insignificativos ou altamente significantes da vida, que recebemos e vivemos de graça, são manifestações da Graça. E graça tem que ver com querer bem, com amar. Ninguém dá nada de graça a outra pessoa se não tem algo nessa pessoa que lhe chama a atenção, se não gosta dessa pessoa.

Por isso, a Graça, que se manifesta de mil maneiras e permeia a vida, é sinal de amor... é Deus presente na vida. Ele ama, incondicionalmente, e estende sua Graça a todos nós, todos os dias, de alguma maneira.

Você pode não reconhecer, não aceitar e ao invés de prestar a atenção nessas pequenas coisas, ficar só pensando no que não dá certo, no que está errado, no que lhe prejudica... mas aí a vida fica sem graça.

Se você reconhece que recebe muitas coisas de graça, da Graça, então, nada mais justo que retribuir. E talvez a maneira mais singela de retribuir à Graça é dizer: muito obrigado. É agradecer.

É para isso que serve o Dia Nacional de Ação de Graças. É o dia de retribuirmos, de agradecermos à Graça. De dizer a Deus muito obrigado, Senhor, por tantas coisas boas que acontecem em minha vida todos os dias.

Fazer isso, agradecer, pode mudar sua vida. Pode fazer com que você e as outras pessoas sintam sua vida como diferente, agradecida, uma vida com graça...

E aí? Sua vida tem graça?... Ou é uma vida sem graça?...

Sempre é tempo de agradecer.

Mas, hoje, 25/11/2010, é um dia especial para isso: é o Dia Nacional de Ação de Graças. Agradeça a Deus pelas bênçãos e por todas as coisas boas que ocorrem em sua vida.

Se você desejar, está convidada / convidado a se unir a nós para juntos agradecermos: vamos ter uma Celebração na Capela às 11 horas da manhã. Mas mesmo que você não queira, ou não possa vir, não deixe de agradecer.

Sua vida pode ficar sem graça...


Rev. Luiz Eduardo Prates

Coorden. da Pastoral Universitária e Escolar

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre:

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: