Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Fateo / Notícias / Sentimento de alegria toma conta da turma de Teologia do noturno

Sentimento de alegria toma conta da turma de Teologia do noturno

02/12/2016 15h03

 

A turma do noturno, do 4° ano do curso de Teologia já está pronta para a formatura. Nos últimos dias letivos, a correria para entrega do TCC, o que antes era ansiedade para o fechamento das notas virou alegria e agora a preparação com o culto de envio e a cerimônia de formatura já na próxima semana.

 

 

A turma que encerra o ano composta apenas por homens, manifesta uma mistura de sentimentos neste final de curso, mas a certeza de que foi um tempo de muito crescimento e de receber muita informação é geral.

 

 

 

O representante da turma, Luiz José Palhares de Souza Freitas, gosta de estudar, esta não foi sua primeira, nem segunda graduação, mas agora diz que precisa de um tempo antes de pensar em pós-graduação. “Foram muitas informações, experiências e coisas novas nesses 4 anos. Acho que preciso de um tempo para "digerir" tanta novidade. Por isso preciso de um tempo para refletir sobre o curso, para só aí pensar em uma pós! Não dá para engatar. Creio que deixamos muitas coisas de lado para nos dedicarmos ao curso. Agora preciso "arrumar a casa", botar a vida em dia, refletir bastante e depois... Quem sabe...”

 

Luiz José quer colocar a casa em ordem antes de pensar em pós

 

Renato Salas faz parte do time que venceu muitas batalhas para permanecer no curso e agora se animou para continuar. “O curso foi bastante desafiador para mim. Enfrentei muitos embates, seja na saúde; seja financeiro; a partida da minha mãe nesse período; as ausências em casa (mesmo estando presente, fazendo os trabalhos, lendo ou estudando); e por que não, os conflitos teológicos. Tudo isso porém, só me fez crescer e alimentou meu desejo rumo à docência. Que venham o mestrado e o doutorado. Posso todas as coisas, naquele que me fortalece!”

 

 

Depois de vencer as batalhas, Renato Salas já pensa na docência

 

Dirceu Panini gosta da reflexão teológica e ensaia os próximos textos. “Estudar Teologia é unir a ciência com uma atitude para o mundo em um compromisso com o nosso próximo. Iniciamos os estudos por motivações, por vezes, equivocadas. Com isso, ao chegar ao término do curso, percebemos que a maior motivação é de uma Teologia que gere vida, em que aprendi no decorrer do curso.

Nesse sentido, aprendemos a dialogar com questões de Deus, com o mundo e suas contradições, e com o outro. Nessa perspectiva, aprendemos que Deus quer que vivamos para ajudar os oprimidos dessa sociedade.

E as dúvidas? É claro que aumentaram! Porque ao buscar conhecimento, entendemos nossas limitações, e sem o amor de Deus não podemos fazer nada. Por isso, agradeço a essa Faculdade, a cada professor e professora, aos meus amigos e amigas pelas reflexões, e principalmente a Deus pelo dom da vida. Assim, saímos desse curso mais responsáveis em viver para o próximo. Obrigado!”

 

Dirceu Panini já experimenta o ensaio de novos textos na reflexão teológica

 

 

O assembleiano Wellington Soares Silva ressaltou a amizade formada e firmada nesses tempos acadêmicos. “Esses quatro anos de estudos com certeza foi um divisor de águas na minha vida, iniciei com o pensamento de agregar conhecimento, crescimento pessoal e ministerial, no entanto, sinto que conquistei muito mais que isso. Em especial a amizade e a oportunidade de conhecer e conviver com pessoas maravilhosas como os meus colegas de sala e professores, que contribuíram muito para minha formação. Finalizo esse curso com sentimento de satisfação e principalmente dever cumprido, conquista e alívio.”

 

Wellington Soares ressaltou a amizade firmada nesse tempo, contribuindo para o aprendizado

 

 

Cristiano Estanislau, já nomeado para a Igreja Metodista em Guaianazes expressa sentimento de gratidão olhando para o futuro. “Neste fim de curso o sentimento que me vem a alma é o da “gratidão”. Sou grato a DEUS porque sem Ele nada do que foi feito se fez... E a todos Amigos e Amigas que ao longo desses quatro anos de Teologia me permitiram novas experiências, aperfeiçoando o meu olhar sobre a vida e me trazendo a existência uma consciência-mundo ao compartilhar seu espaço-tempo-saber. Que Deus nos ilumine na Missão solidária do Cristo encarnado daqui para frente. Amém!”

 

Cristiano Estanislau já está nomeado para a Igreja Metodista em Guaianazes

 

 

Parte da turma na elaboração do último trabalho, para a eletiva de Libras - Língua Brasileira de Sinais

 

 

Texto: Rose Rosa
Fotos: Ricardo Bissola

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: ,

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: