Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Fateo / Notícias / Jornal Diário do Grande ABC destaca criação do Centro de Memória Metodista

Jornal Diário do Grande ABC destaca criação do Centro de Memória Metodista

23/09/2009 12h07 - última modificação 23/09/2009 12h10

Memória

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Ademir Medici

Do Diário do Grande ABC


Rudge Ramos ganha o Centro de Memória Metodista


"Para que o Evangelho possa ser inteligível e compreensível ao homem, ele precisa ser interpretado continuamente, em termos contemporâneos. Esta é a tarefa da teologia. Sua responsabilidade é relacionar a verdade eterna da revelação à situação atual na qual esta verdade deve ser recebida."

William Hinson, professor da Faculdade de Teologia, 1963 (de Wesleyano, órgão informativo da Faculdade de Teologia da Igreja Metodista do Brasil).



Será feito hoje pela manhã o lançamento do projeto do Centro de Memória Metodista, sob a direção da Faculdade de Teologia da Umesp, em Rudge Ramos, São Bernardo. Várias etapas serão obedecidas e em 2 de setembro de 2010 o Centro de Memória estará definitivamente instalado, dentro das comemorações dos 80 anos de autonomia da Igreja Metodista no Brasil.


O Centro de Memória Metodista ocupará o histórico Edifício Alfa, na Via Anchieta. Ali foi instalada a Faculdade Metodista, no início da década de 1940, aquela que foi a primeira escola de nível superior do Grande ABC.


O projeto é abrangente. Seu objetivo: preservar a memória documental metodista e protestante no Brasil. Profissionais das áreas de arquivo e museu históricos, de nível superior e médio, cuidarão do novo Centro de Memória. À frente, o professor Rui Josgrilberg, reitor da FaTeo/Metodista.


ETAPAS


O projeto começou há dois anos. Até o fim de 2009 se fará a organização básica do acervo arquivístico, já em poder da Faculdade de Teologia. Nestes três próximos meses será feita também a instalação do Serviço de Digitalização Documental.


No primeiro quadrimestre de 2010 será feita a reforma do restante das instalações internas do Edifício Alfa para a instalação do Museu Histórico. Será o começo da organização técnica do acervo. Nos quatro meses seguintes ocorrerá a instalação definitiva do Centro, com a organização do museu.

imagens/jornal.jpg
Comunicar erros


Leia mais notícias sobre:

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: