Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Fateo / Notícias / Estudantes da FaTeo fazem manifestação pública por direitos como pedestres

Estudantes da FaTeo fazem manifestação pública por direitos como pedestres

12/06/2008 01h04 - última modificação 12/06/2008 01h05

Uma manifestação de estudantes da FaTeo fechou o trânsito da Rua Planalto, onde está localizado o Edifício Ômega, em que funcionam aulas e biblioteca da FaTeo, para cobrar da Prefeitura de São Bernardo do Campo a re-pintura da faixa de pedestres e outras medidas de segurança. Há um trânsito pesado na rua de carros que vêm e vão para a Rodovia Anchieta e a quase inexistente faixa de pedestres e a ausência de outras ações de segurança para pedestres têm causado riscos a estudantes, professores/as, funcionários/as, e todas as pessoas que por ali circulam diariamente. Depois de a Faculdade de Teologia ter enviado uma série de ofícios com solicitações por providências, sem resposta da parte da Prefeitura, os/as estudantes resolveram fechar a rua por 15 minutos na manhã de 3 de junho e chamar a atenção para o problema. A manifestação foi pacífica, acompanhada pelo setor de trânsito e pela Polícia Militar, e foi noticiada no Diário do Grande ABC (veja em http://www.dgabc.com.br/default.asp?pt=secao&pg=detalhe&c=1&id=8455)

No dia 4 de Junho representantes do Centro Acadêmico John Wesley foram recebidos pelo vice-presidente da câmara dos vereadores Ivanildo de Santana para dialogar sobre a manifestação e as solicitações da faculdade. Os alunos Guilherme Estevam Emilio e Sammy Jacob Kern que estiveram no diálogo obtiveram o compromisso de que, em breve serão providenciadas a re-pintura da faixa de pedestres e uma placa de controle de velocidade. Um protocolo e um ofício do vereador são a garantia do compromisso obtida pelos estudantes.


Foto: Diário do Grande ABC, versão on-line

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre:

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: