Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Fateo / Notícias / 1º de março: Dia Mundial de Oração lembra imigrantes

1º de março: Dia Mundial de Oração lembra imigrantes

01/03/2013 12h20 - última modificação 01/03/2013 12h28

O tema para o Dia Mundial de Oração,  a ser celebrado em 1º de março do ano de 2013, foi preparado pelas mulheres da França, sob o título ”Era Forasteiro, e me Hospedastes”.

O Dia Mundial de Oração (DMO) é um movimento que reúne mulheres cristãs, de muitas tradições, em todo o mundo, para observar um dia comum de oração por ano. Em muitos países esse contato tem continuidade em reuniões de oração e trabalho.

O movimento foi iniciado por mulheres e atualmente é realizado em mais de 170 países e regiões simbolizado por uma celebração anual – primeira sexta-feira de março – à qual todos são bem-vindos.

No site do DMO você encontra vários recursos, como por exemplo, cartaz em alta resolução, estudo bíblico, informações sobre a França - país escolhido em 2013, além de informações para pedido de material impresso e várias músicas em partituras.

História no Brasil
- Em 1938, Cecília Siqueira, Secretária Geral do Trabalho Feminino da Igreja Presbiteriana do Brasil, recebe incentivos para implantar o Dia Mundial da Oração no Brasil. As metodistas aderem, traduzindo a ordem de culto e as presbiterianas o imprimem.

Em 1954, as mulheres da Igreja Evangélica de Confissão Luterana passam a celebrar o DMO. Outras igrejas também o fazem, sem expressão ecumênica.

Em 1961, Ottília de O. Chaves e Dina Rizzi, metodistas, Júnia Machado, presbiterianas e Olga R. T. Nogueira, episcopal, participam do “Jubileu de Diamante” do Dia Mundial da Oração.

Em 1973, em Vitória, formou-se o Grupo Ecumênico Feminino de Oração GEFOR. No mesmo ano, Olga R. T. Nogueira enviou às lideres, que recebiam o programa diretamente de Nova York, uma carta-convite para um Encontro em São Paulo, visando a organização de um Conselho Nacional. Realizou-se em 1º de Dezembro, com 15 mulheres de diferentes igrejas e áreas do Brasil. Na ocasião foi fundado o Conselho Nacional do Dia Mundial de Oração. A 1º Diretoria eleita: Presidente Olga R. T. Nogueira, Vice-Presidente Nympha Protásio de Almeida, Secretária Deoly Galvão de França, Tesoureira Dina Rizzi.

Em 1974, foram criadas Diretorias Regionais do DMO em São Paulo, Porto Alegre, Vitória, Rio de Janeiro e Ribeirão Preto e Campinas.

Em 1976, aconteceu o 2º Encontro Nacional, em São Paulo. O cargo de Presidente foi desdobrado, sendo Nympha Protásio de Almeida eleita Presidente e Olga R. T. Nogueira, Elemento de Ligação com Diretoria Internacional.

Em 1978, realizou-se o 3º Encontro Nacional, em São Paulo. Ilza da Silva Arduini, do Rio de Janeiro, assumiu a Presidência.

Em 1980, o 4º Encontro aconteceu no Rio de Janeiro. Foram aprovados os Estatutos do Dia Mundial de Oração no Brasil e Irmã Ruthild Brakemeier, de Porto Alegre, foi eleita Presidente do Conselho Nacional do Dia Mundial de Oração.

Em 1982, no Rio de Janeiro, realizou-se a 1º Assembléia Bienal do Conselho Nacional do DMOB, formado pelas Diretorias Nacional e Regionais. Assumiu a Presidência Ada Maria Della Giustina, de Curitiba.

Em 1984, Nympla P. de Almeida volta a presidência do Conselho e em 1986 é eleita Alice G. Labaki que teve a oportunidade de celebrar o Centenário do Dia Mundial de Oração em 1987 com uma liturgia especial vinda do Comitê Internacional. E celebrar o Jubileu de Ouro do Dia Mundial de Oração no Brasil realizando o culto em março de 1988 sob o tema, “Portas Abertas”, escrito por mulheres brasileiras.

De 1988 a 1992 Maria Luiza Fagundes, de Brasília, assume a presidência e passa para Maria Elisa L. C. D’Affonseca, de Campinas, em 1992.

Em 1996 é eleita presidente do Conselho Dagmar S. Triska, de Florianópolis. É reeleita e, segundo o novo estatuto, permaneceu até 2001. Nesta data, na X Assembléia, assume a presidência, Maria Elisa L. C. D’Affonseca.

O culto anual é celebrado no Brasil, em português, espanhol, inglês, alemão, japonês, chinês, ucraniano, árabe e polonês, e em cerca de 1.150 pontos do nosso país. A cada ano o DMO tende a abranger maior número de igrejas cristãs e algumas delas já tem essa celebração oficializada em seu calendário litúrgico anual.

Várias entidades assistenciais, anualmente, tem sido beneficiadas com as ofertas de gratidão levantadas nas celebrações. Nesses encontros são usados programas elaborados, a cada ano, por mulheres de países diferentes.

Através do Dia Mundial de Oração, no Brasil, milhares de pessoas tem sido motivadas para Oração e Ação Interdenominacionalmente.

Visite o site do Dia Mundial de Oração

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre:

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: