Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Farmácia / Notícias / Curso de Farmácia promove ação para o descarte correto de medicamentos

Curso de Farmácia promove ação para o descarte correto de medicamentos

O que for coletado passará por uma triagem e será doado para os projetos de extensão desenvolvidos pela Universidade

26/06/2015 19h27

O que fazer com aquelas sobras de remédio guardadas no fundo do armário ou da gaveta? Antes que elas passem do prazo de validade, que tal doá-las? O curso de Farmácia da Metodista está promovendo a coleta desses medicamentos.

A professora Erika Cassiari explica que a iniciativa surgiu a partir do levantamento bibliográfico que uma aluna do curso de Aprimoramento em Assistência Farmacêutica fez sobre os efeitos do descarte desses produtos no meio ambiente e faz parte dos projetos de extensão de Farmácia.

De acordo com a docente, a ideia é que alunos, professores e funcionários possam doar o que tiverem em casa, desde que estejam em condições satisfatórias. “Se estiverem na embalagem de origem, com bula, melhor. Porém, vamos coletar todos os que estiverem em sua embalagem primária original, como blister, por exemplo, e dentro do prazo de validade. Posteriormente, os alunos de Farmácia, acompanhados de um docente, farão uma triagem, observando estado de conservação, validade, classe terapêutica, entre outros itens”.

Erika destaca também que, “regra geral, não devemos descartar medicamentos em casa, pois, de alguma maneira, chegarão à rede de esgoto, podendo contaminar o ambiente. O ideal é entregarmos as sobras em postos de coleta para que empresas especializadas, contratadas por esses locais, possam dar a destinação correta a eles”.

A entrega dos medicamentos (exceto os de uso controlado) deve ser feita na Farmácia-Escola, no Campus Planalto. O que for coletado será doado para os projetos de extensão promovidos pela Universidade, como o Canudos e o Rondon. A intenção é que a iniciativa se estenda aos demais campi no segundo semestre.

Cuidados com a administração

Erika Cassiari menciona que, no caso de antibióticos, estes só podem ser vendidos com a retenção da receita, o que tende a diminuir as “sobras” em residências, pois, normalmente, a cada prescrição é utilizada a embalagem completa. No entanto, ela enfatiza que as maiores causas de intoxicações, acontecem com aqueles chamados de “venda livre" ou "isentos de prescrição", como analgésicos e anti-inflamatórios. “Boa parte desses acidentes ocorrem devido à automedicação. O uso de forma incorreta pode agravar a doença ao ‘mascarar’ determinados sintomas ou mesmo comprometer a saúde do paciente por sofrer interação com algum outro medicamento que esteja sendo utilizado”.

A professora ressalta que os cuidados com a administração deve acontecer mesmo que estes sejam fitoterápicos (medicamentos produzidos a partir de plantas medicinais; eles são obtidos empregando-se exclusivamente derivados de droga vegetal, como extrato, tintura, óleo, cera, exsudato, suco etc.), pois oferecem riscos, efeitos indesejados e interações com outros remédios ou alimentos. Segundo a docente, “não está errado utilizar um que seja de venda livre (não tarjado) para passar uma dor de cabeça, cólica ou algo corriqueiro em nosso dia a dia, mas devemos ser orientados a procurar um profissional especializado sempre que essa dor persistir ou voltar a acontecer num curto intervalo de tempo”. Erika enfatiza também que “nunca se deve tomar vários medicamentos, mesmo que de venda livre, na tentativa de sanar a dor, pois essa prática pode ser extremamente perigosa”.

Descarte de medicamentos

Condições: em embalagem original e dentro do prazo de validade. Não serão aceitos medicamentos de uso controlado.

Onde: Farmácia-Escola – Campus Planalto (R. Dom Jaime de Barros Câmara, 1100, Planalto, São Bernardo do Campo).

Horário: De 2ª a 6ª feira, das 7h às 16h.

Mais informações: (11) 4366-5300.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , , , ,

SÁVIO BARBOSA - COORDENADOR

Veja o minicurrículo

 


Receba informações de oferecimento deste curso

farm├бcia.jpg

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: