Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Extensão / Notícias / Representantes da Metodista no Rondon SP apresentam projeto para reitor

Representantes da Metodista no Rondon SP apresentam projeto para reitor

Universidade contou com 12 integrantes no programa, realizado em julho

06/07/2018 12h45 - última modificação 06/07/2018 15h37

Alunos e professores representantes da Universidade Metodista de São Paulo no Projeto Rondon apresentaram, na tarde da última quarta-feira (08 de agosto), as realizações feitas pelo grupo para o reitor da instituição, Paulo Borges Campos Jr.

Quatro alunos que participaram da edição, além dos professores Ismael Valentim e Francisco Henrique da Costa, contaram mais sobre as atividades realizadas nos municípios de Itapeva, Nova Campina, Taquarivaí, Barra do Chapéu e Diadema, entre 14 e 18 de julho.

Após hiato de três anos sem participação, a Metodista retornou para o projeto com duas ações aprovadas: "Cobertura Midiática do Projeto Rondon" e "Direitos Humanos e Cidadania".

Para Paulo Borges Campos Jr., a participação no projeto é uma forma de extensão ao aprendido em sala de aula. “Nosso retorno é motivo de alegria, porque os participantes do Projeto Rondon podem trabalhar não apenas sob o ponto de vista de suas formações acadêmicas, mas também o lado social. Então a participação dos alunos e professores do Rondon mostra uma universidade viva, que cria e propicia ações para eles terem uma experiência concreta e real em ambientes que apresentam condições econômicas desfavoráveis”, disse o reitor.

A primeira ação foi desenvolvida por alunos dos cursos de Rádio, TV e Internet e Produção Multimídia. A proposta foi produzir imagens que sirvam de testemunho sobre as atividades do projeto e motivação para o futuro envolvimento de alunos e docentes. Já a oficina "Direitos Humanos e Cidadania", implementada por estudantes de Direito, visa proporcionar conhecimento e gerar reflexão sobre a dignidade e a liberdade humana, com foco em professores, gestores, assistentes sociais e formadores de opinião dos municípios. 

Estudantes dos cursos de Administração, Medicina Veterinária e Gastronomia também estiveram presentes, por meio de ações propostas por outras instituições. Ao todo, a Metodista contou com participação de 12 pessoas, entre alunos e professores.

De acordo com professor Francisco Henrique Costa, da Escola de Comunicação, Educação e Humanidade, estudantes que se envolvem em atividades sociais como essa são diferenciados. “São alunos que têm uma visão de mundo, porque deixam uma semana de suas férias para passar por situações bem abaixo da realidade deles e reforçam valores éticos, morais e religiosos”, afirmou

Segundo Gustavo Bernardi Zucco, aluno do sexto semestre de Rádio, TV e Internet que participou do Rondon, o projeto é interessante para colocar em prática o aprendido ao longo do curso. "A faculdade me tirou da sala para eu aprender na prática o que sempre via na teoria. Por mais que a universidade ofereça diversas situações como o Projeto Integrado, que posso praticar tudo que vejo em aula, as vivências pelas quais passei no Rondon não conseguiria ter dentro da faculdade", contou o aluno.


Sobre o Projeto

O Rondon SP é a edição paulista do projeto coordenado pelo Ministério da Defesa, realizado em parceria com outros órgãos públicos e instituições de ensino superior. Na prática, são promovidas diversas ações educativas e intervenções sociais em áreas como saúde, habitação, assistência social, esporte, empreendedorismo familiar e geração de renda.

É dessa maneira que alunos e professores podem, a partir do conhecimento produzido em sala de aula, prestar serviços e oferecer soluções aos moradores das cidades assistidas.

 
Confira as fotos da reunião (passe o mouse para ver mais imagens):

 

Projeto Rondon - Reunião com o reitor

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , ,
SOBRE A COORDENAÇÃO
X