Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Engenharia Ambiental e Sanitária / Noticias / Professor Carlos Henrique Andrade de Oliveira fala ao DGABC sobre desmatamento

Professor Carlos Henrique Andrade de Oliveira fala ao DGABC sobre desmatamento

Pesquisa mostra que não houve variação nos índices da região

05/12/2016 20h10 - última modificação 06/12/2016 12h46

Docente comenta pesquisa sobre desmatamento

Segundo Atlas dos Remanescentes da Mata Atlântica, levantamento da Fundação SOS Mata Atlântica em parceria com o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), entre 2014 e 2015, o ABC não registrou variação nos índices de desmatamento do bioma. Uma reportagem do Diário do Grande ABC discutiu o tema e ouviu o professor Carlos Henrique Andrade de Oliveira, do curso de Engenharia Ambiental da Universidade Metodista de São Paulo. 

Oliveira explica que a vegetação na região está concentrada nas áreas mais próximas à Represa Billings e à Serra do Mar. “Estas áreas possuem relevo mais acidentado, situação que dificulta a ocupação humana. Outro fator que contribuiu para a manutenção destes índices foi a forma de atuação das prefeituras com maior território – São Bernardo e Santo André –, que investiram fortemente em estratégias de fiscalização, estruturando suas equipes e as respectivas guardas municipais”, diz.

Confira a reportagem completa, clicando aqui.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , ,

MÁRCIA SARTORI  - COORDENADORA

Minicurrículo


 

engenharia-ambiental-e-sanit├бria.jpg

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: