Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Engenharia Ambiental e Sanitária / Noticias / Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária é reconhecido pelo MEC

Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária é reconhecido pelo MEC

Diploma passa a ter validade nacional e alunos podem prestar concurso público e seguir na pós-graduação

04/05/2016 18h20 - última modificação 10/05/2016 18h18

Centro de Sustentabilidade é um dos espaços de estágio

O curso de Engenharia Ambiental e Sanitária da Universidade Metodista de São Paulo acaba de ser reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação), em portaria divulgada dia 2 de maio de 2016 no Diário Oficial da União. O reconhecimento é condição necessária para a validade nacional do diploma e representa um aval de qualidade que permite abertura de novas turmas.

“A portaria dá credibilidade ao curso. A universidade se beneficia com o reconhecimento e, para os alunos, significa que podem prestar concursos públicos e continuar os estudos na pós-graduação. Para a coordenação do curso e professores, é o reconhecimento de que fizemos excelente trabalho, tanto na administração quanto na parte pedagógica”, opina a coordenadora da graduação, Márcia Sartori.

Com conceito 4 do MEC (de uma escala de 1 a 5), o bacharel em Engenharia Ambiental e Sanitária da Metodista conta com a grande maioria dos professores titulada como mestres e doutores. O curso oferece muitas aulas práticas em laboratórios e visitas técnicas e apresenta como diferenciais para a formação dos alunos atuação na área ambiental consolidada por cursos, pesquisas, projetos de extensão e pelo Programa Metodista Sustentável, com possibilidade de estágios e iniciação científica no Centro de Sustentabilidade da instituição.

Uma inovadora linha de biomimética desenvolvida ao longo do curso, visando ao desenvolvimento de tecnologias a partir de processos e produtos da natureza, além da organização modular do curso que favorece a integração de conhecimentos e saberes de forma inter e transdisciplinar, possibilita ao formando um raciocínio sistêmico e aplicado, essencial para o desenvolvimento das competências necessárias ao exercício futuro da profissão, acrescenta professora Márcia Sartori.

A portaria no 127 de reconhecimento é datada de 28 de abril de 2016 e foi emitida pela Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior. O curso de Engenharia Ambiental e Sanitária tem duração de 5 anos e está com inscrições abertas para o vestibular do 2º semestre de 2016. Assista a apresentação da graduação.

Esta matéria foi publicada no Jornal da Metodista.
Conheça Outras.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , ,

MÁRCIA SARTORI  - COORDENADORA

Minicurrículo


Receba informações de oferecimento sobre esse curso: