Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / ENADE / 2016 / Questões / Questão de Vida urbana e rural

Questão de Vida urbana e rural

Questão 1

Viver na área urbana ou na área rural possui atrativos e dificuldades próprios. Leia o texto “DIFERENÇAS ENTRE OS ESTILOS DE VIDA URBANO E RURAL” no link PDF e a partir do texto, indique: 

I - Em comunidades rurais, dependendo do país, há uma grande variedade de atividades ao ar livre que aproximam da natureza;

II - Muitas pessoas acabam experimentando a solidão e o isolamento nas áreas rurais e as pesquisas mostram que estas sensações podem levar a problemas de saúde mental.

III - Ainda que as taxas de pobreza sejam maiores nos centros urbanos do que na área rural, a pobreza nas áreas rurais é muito mais persistente.

IV- A educação a distância oferece aos estudantes a chance de morar em áreas rurais enquanto estudam.

A partir do texto apresentado, indique:




Questão 2

As projeções da Associação Brasileira da Indústria de Óleos Vegetais vêm indicando, para 2020, produção entre 104 milhões e 105 milhões de toneladas de soja. A área de cultivo da soja deve aumentar cerca de 6,7 milhões de hectares, chegando, em 2023, a 34,4 milhões. Isso representa um acréscimo de 24.3% na área mensurada em 2013. No Paraná, a área de cultivo de soja pode expandir-se para áreas de outras culturas e, no Mato Grosso, para pastagens degradadas e áreas novas.

Disponível em: <http://www.agricultura.gov.br>. Acesso em: 19 ago. 2013 (adaptado).

 

Considerando esses dados e os impactos do agronegócio na reconfiguração do campo, avalie as afirmações a seguir:

      I.     A expansão das áreas de monocultura de soja amplia a mecanização no campo e gera a migração de trabalhadores rurais para centros urbanos.

    II.     A intensificação da monocultura de soja acarreta aumento da concentração da estrutura fundiária;

  III.     A expansão da cultura de soja no Paraná e no Mato Grosso promoverá o avanço do plantio de outras culturas.

É correto o que se afirma em:





Questão 3

Considerando o conteúdo abordado no vídeo https://vimeo.com/107173627 é possível compreender como se deu a transferência da população rural para os centros urbanos e, também, os elementos que interferem na sociedade, ao longo do êxodo rural. Sendo assim, afirmamos que:

 

I)         O processo de urbanização é a saída da população da zona rural, em direção aos grandes centros urbanos, onde a indústria se localiza;

II)       O processo de Metropolização ocorre na multiplicação de cidades do tamanho intermediário;

III)      O espaço/território brasileiro sofre um processo de organização voltado para atender os interesses das grandes organizações e não aos interesses da população;

IV)     O processo de industrialização acelerado ocasionou o crescimento desordenado, causando a “macrocefalia urbana”;

V)       As cidades consideradas “milionárias” tornam-se independentes e não impactam nacionalmente, haja vista que há centralização de poder específica em Brasília, que é a capital do país e sede do governo do Distrito Federal.

Tendo em vista as afirmações acima, consideramos INCORRETAS as alternativas: