Você está aqui: Página Inicial / Mesas-Redondas e Palestras

Mesas-Redondas e Palestras

As mesas-redondas multidisciplinares presenciais e virtuais são voltadas para o debate de temas acadêmicos de interesse geral e de diferentes áreas de conhecimento, tendo como foco central o tema geral do Congresso 2019 que  é "Ciência para a paz e para o desenvolvimento sustentável". Essa atividade é elaborada por um docente, pesquisador ou profissional da área, presencial ou EaD, que propõe o tema e coordena o debate.

Confira a programação:

 

Campus Planalto

 

Mesa-redonda: 12

Modalidade: Presencial

Título: Manifestações da parentalidade em contextos clínicos diversos

Proponente: Hilda Rosa Capelão Avoglia

Participantes:  Hilda Rosa Capelão Avoglia, Eduardo Marquese Damini , Jader Ramos Júnior, Telma Maria Duarte Rodrigues e Kaio Felipe Cabral Cabrera

Campus:  Planalto

Data:  22/10/2019

Horário: 9h20 às 11h

Local:  P - 510

Ementa: O tema a ser tratado nesta mesa parte da perspectiva da parentalidade enquanto forma de cuidados com os filhos favorecendo um desenvolvimento sadio. A mesa terá como objetivo discutir a parentalidade reconhecendo sua importância no âmbito da pesquisa e da prática clínica psicanalítica, de modo a subsidiar a análise de situações diferenciadas. Para tanto, serão apresentados casos advindos de contextos clínicos diversos que sustentarão os caminhos a serem percorridos para fomentar o debate. Assim, a exposição abordará as relações parentais no caso de 3 crianças, sendo uma autista; uma vítima de violência sexual e a outra com transtorno opositor desafiador. Tais casos serão articulados na perspectiva da conceitualização da alienação parental. Desse modo, espera-se contribuir com a compreensão do cenário familiar no âmbito das relações parentais.

 

Mesa-redonda: 23 (manhã)

Modalidade: Presencial

Título: PALESTRA - Suicídio: uma discussão necessária

Proponente: Nilton de Abreu Zanco

Participantes:  Carolina Tsé e Valquiria Aparecida Rossi

Campus:  Planalto

Data:  22/10/2019

Horário: 8h às 9h20

Local:  Auditório - PL

Ementa: Suicídio, questões relacionadas ao sofrimento mental e agravos à saúde. A saúde pública e seu papel na prevenção do suicídio. A possibilidade da atuação interdisciplinar e dos diferentes saberes envolvidos na prevenção ao suicídio, compreensão do contexto social que leva à exclusão, outras formas de sofrimento mental, depressão, agravamento do sofrimento psíquico.

 

Mesa-redonda: 23 (noite)

Modalidade: Presencial

Título: PALESTRA - Suicídio: uma discussão necessária -

Proponente: Nilton de Abreu Zanco

Participantes: Carolina Tsé, Glauber Mendonça Moreira e Valquiria Aparecida Rossi

Campus:  Planalto

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  Auditório - PL

Ementa: Suicídio, questões relacionadas ao sofrimento mental e agravos à saúde. A saúde pública e seu papel na prevenção do suicídio. A possibilidade da atuação interdisciplinar e dos diferentes saberes envolvidos na prevenção ao suicídio, compreensão do contexto social que leva à exclusão, outras formas de sofrimento mental, depressão, agravamento do sofrimento psíquico

 

Mesa-redonda: 24

Modalidade: Presencial

Título: Construção e validação de uma escala de intensidade de afetos

Proponente: Valquiria Aparecida Rossi

Participantes:  Valquiria Aparecida Rossi, Maria do Carmo Fernandes Martins, Daren Priscila Tashima Cid

Campus:  Planalto

Data:  22/10/2019

Horário: 7h30 às 9h10

Local:  P - 508

Ementa: O papel preponderante dos afetos nas experiências de satisfação ou insatisfação com vida. Afetos e emoções como responsáveis por melhorar níveis de saúde e bem-estar das pessoas. A mensuração dos afetos, escala de medida de intensidade de afetos.

 

Mesa-redonda: 25

Modalidade: Presencial

Título: Engajamento no trabalho: mensuração e o estado da arte

Proponente: Maria do Carmo Fernandes Martins

Participantes:  Maria do Carmo Fernandes Martins, Valquiria Aparecida Rossi e Daren Priscila Tashima Cid

Campus:  Planalto

Data:  22/10/2019

Horário: 9h20 às 11h

Local:  P - 508

Ementa: O estado da arte em engajamento no trabalho. Engajamento no trabalho como fenômeno individual e coletivo. Engajamento no trabalho e síndrome de Burnout: conceitos independentes. Diferentes medidas em engajamento no trabalho. Benefícios de engajamento no trabalho para os trabalhadores e para o ambiente organizacional.

 

Mesa-redonda: 26

Modalidade: Presencial

Título: OS DESAFIOS DA ATUAÇÃO DE PSICÓLOG@ ORGANIZACIONAL E DO TRABALHO NA CONTEMPORANEIDADE

Proponente: Carla Terezinha Palhavã

Participantes:  Carla Teresinha Palhavã e Fatima Pighinelli Àzar

Campus:  Planalto

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  P - 508

Ementa: Desde o final do século XIX as mudanças no ambiente de trabalho e nas organizações, têm exigido do campo da POT estudos e pesquisas de novos conhecimentos que possam contribuir para os processos emancipatórios do trabalhador. A mesa propõe apresentar e debater os desafios atuais do profissional da área da Psicologia Organizacional e do Trabalho, diante das transformações no âmbito da tecnologia, economia e sociedade, no que tange o exercício da profissão a serviço da Saúde total da Organização (trabalhadores e dirigentes). Abordaremos também a contribuição d@ Psicólog@ no processo de Inclusão de trabalhadores com deficiência.

 

Campus Vergueiro

 

Mesa-redonda: 18

Modalidade: Presencial

Título: Como as empresas estão desenvolvendo o Marketing Societal?

Proponente: Profª Ms. Luciane Duarte da Silva

Participantes:  Luciane Duarte da Silva, Beatriz Candido de Souza, Caroline Souza Soares, Bruna Zeferino da Silva, Eduarda Oliveira da Silva, Fernando Augusto Roque Farina, Victor Braggion, Victor Hugo Celestino de Barros, Luca Zanetti Silva e Victoria Aparecida Reis Rub

Campus:  Vergueiro

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  VB - 323

Ementa: O objetivo é discutir quais ações de marketing societal estão sendo desenvolvidas nas empresas analisadas no Open Week de Gestão e Negócios de 2019/1.

 

Mesa-redonda: 19

Modalidade: Presencial

Título: Reflexões sobre ações sustentáveis identificadas nos PAPs do curso de Processos Gerenciais

Proponente:  Luciane Duarte da Silva

Participantes:  Luciane Duarte da Silva, Israel Marques dos Santos, Aline Fonseca de Oliveira, Monique Vitorino Magalhães, Rafael Santos Gomes da Costa, Nicoli Oliveira Ferreira e Allan Freitas Gonçalves.

Campus:  Vergueiro

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  VB - 317

Ementa: O objetivo é discutir quais ações de sustentabilidade social e ambiental estão presentes nas empresas desenvolvidas nos Planos de Negócios de 2019/1.

 

Campus Rudge Ramos

 

Mesa-redonda: 1

Modalidade: Presencial

Título: PIBID E RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA – A importância dos programas educacionais na formação dos licenciandos e na melhoria da qualidade de educação.

Proponente: Rosemeire Pessoni e Débora Bezerra de Linhares Libório

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 21h30 às 23h

Local:  Anfiteatro Sigma

Ementa: A mesa-redonda tem como objetivo discutir as experiências dos programas PIBID e Residência Pedagógica da UMESP. Esses programas visam elevar a qualidade da formação inicial de professores nos cursos de licenciatura, promovendo a integração entre educação superior e educação básica.

 

Mesa-redonda: 2

Modalidade: Presencial

Título: Um Deus para Benjamin: O sistema cultural religioso dos primeiros israelitas

Proponente:  José Ademar Kaefer

Participantes:  José Ademar Kaefer, Suely Xavier dos Santos, Antônio Carlos Frizzo, Élcio Valmiro Sales de Mendonça, Silas Klein Cardoso

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 9h20 às 11h

Local:  C - 316

Ementa: O vácuo advindo da crise do conceito de Monarquia Unida e a incerteza gerada pela pesquisa da Conquista da Terra tornou difícil estabelecer marcos na história israelita e, especialmente, identificar a etnicidade e cultura do povo israelita nascente a partir dos vestígios deixados. O problema tem sido debatido nas últimas décadas, com uma primeira tese sobre características materiais típicas desse Israel entre os sécs. XII-X aEC revelando-se no final dos anos 1980. Entretanto, a tese sofreu reveses por inconsistências metodológicas e falta de aparato sócio-antropológico. As novas aproximações do tema, tentando ser mais precisas, utilizaram (e contestaram) modelos teóricos sócio-antropológicos e estético-literários. Essas novas reconstruções têm em comum o fato de evidenciar o platô de Gibeon/Betel, especialmente no séc. X aEC, como um provável centro originário da cultura norte-israelita nascente. A pesquisa pretende investigar, a partir do estudo iconográfico dos artefatos arqueológicos encontrados, a particular característica, prioritariamente religiosa, da população nativa do Platô Gibeon/Betel.

 

Mesa-redonda: 3

Modalidade: Presencial

Título: Imagens e espaços eloquentes - pessoas encantadas: a cultura matImagens e espaços eloquentes - pessoas encantadas: a cultura material e visual e as religiõeserial e visual e as religiões

Proponente: Helmut Renders

Participantes:  Helmut Renders, Flavia Medeiros, Altierez S. dos Santos e João Marcos da Silva

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 15h30 às 17h

Local:  C - 211

Ementa: A cultura visual é um dos campos privilegiados para análise de estruturas e historicidade de práticas religiosas, fato ao qual o PPG em Ciências da Religião da Umesp respondeu a partir de 2003, introduzindo pontualmente estudos de religião na perspectiva e com os métodos da cultura material e cultura visual. Desde a Criação do Grupo de Pesquisa RIMAGO - Cultura Visual Religiosa, o PPG em CdR estabeleceu uma pesquisa mais sistemática do fenômeno e das suas representações e das formas de interação do ser humano com os mesmos. A mesa apresentará pesquisas finalizadas e em andamento, de nível de doutorado, mestrado e da iniciação científica, e debaterá o uso nessas pesquisas de referenciais teóricas oriundas da história social, da comunicação social, da antropologia visual e das ciências da religião.

 

Mesa-redonda: 4

Modalidade: Presencial

Título: Da Antiguidade aos Contemporâneos: a Filosofia da Religião pelos séculos

Proponente: Vitor Chaves de Souza

Participantes:  Pedro Monticelli , Rineu Quinal e Cleber Baleeiro

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 9h20 às 11h

Local:  C - 209

Ementa: Em reação à diversidade de questões na pesquisa em Filosofia da Religião, faz-se necessário um estudo sistemático para um dos principais temas carentes de interpretação, i.e., uma abordagem crítico-analítica da natureza e história da Filosofia da Religião. A mesa-redonda propõe, portanto, um sobrevoo pelo tema da religião nas três épocas histórias da filosofia, a saber, a religião na filosofia grega, nos medievais e nos contemporâneos.

 

Mesa-redonda: 5

Modalidade: Presencial

Título: Religião e Direitos econômico-sociais dos subalternos

Proponente: Jung Mo Sung

Participantes:  Jung Mo Sung,  Felipe dos Anjos Pereira, João Luiz Moura Sá, Patricia Pallazo Tsai e Priscila A. G da Silva

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 15h30 às 17h

Local:  C - 211

Ementa: Frente à cultura e política neoliberal, que nega a existência de Direitos Humanos no campo dos direitos econômico-sociais, há uma necessidade de repensar os pressupostos e argumentos ético-religiosos que defendem esses direitos em favor dos “subalternos” ou dos setores da sociedade vitimados pela exclusão social. Esta mesa propõe um diálogo entre diversas perspectivas teóricas e religiosas sobre a defesa dos direitos humanos.

 

Mesa-redonda: 6

Modalidade: Presencial

Título: Práticas religiosas de subalternos nas origens do cristianismo

Proponente:  Paulo Augusto de Souza Nogueira

Participantes:  José Adriano Filho,  Denilson Matos,  Carlos Eduardo Mattos,  Elisângela Aparecida Soares,  Danielle Frederico e Paulo Sérgio Santos

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 14h às 15h40

Local:  C - 213

Ementa: Os primeiros cristãos provinham dos grupos subalternos do Império Romano. Isso tem implicações tanto sobre seus posicionamentos políticos e formas de organização, quanto sobre suas práticas religiosas. Propomos uma mesa redonda que discuta as relações dos primeiros cristãos com as práticas religiosas populares do Mediterrâneo. Os diversos tipos de Magia, rituais de poder, oráculos, etc., fizeram parte desse conjunto de práticas, que recentemente começam a ser redescobertas e analisadas nos estudos bíblicos. Apresentaremos comunicações sobre algumas dessas práticas em fontes do cristianismo nos séculos I e II.

 

Mesa-redonda: 7

Modalidade: Presencial

Título: Religião e presença pública

Proponente: Sandra Duarte de Souza

Participantes:  Sandra Duarte de Souza, Emerson Roberto da Costa e Priscila Kikuchi Campanaro

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 13h30 às 15h

Local:  C - 221

Ementa: Os debates sobre laicidade no Brasil, seja na academia ou na sociedade mais ampla, têm abordado esse tema a partir de um sentimento de incômodo com o transbordamento, pela religião, das fronteiras que supostamente lhe teriam sido estabelecidas pelo Estado secular, o que implicaria no perigo da perda da autonomia da esfera pública em relação aos sistemas de crença. Essa ideia de “penetração do religioso” no mundo público, como um agente estranho a essa esfera, parte do pressuposto de uma empreitada secularizadora “bem sucedida” em que o religioso teria sido deslocado para o mundo privado, e essa retração do religioso estaria diretamente relacionada à emergência da sociedade civil. Tal pressuposto faz supor que a agência pública religiosa em uma sociedade afirmadamente laica é ilegítima, pois a religião estaria “fora de lugar”. Mas a religião tem resistido ao enclausuramento, à sua limitação ao “foro íntimo”, negando-se a se sujeitar à separação público-privado. Qual seria então o “lugar da religião”? Quão factível é a separação entre público e privado? Em que medida a noção de espaço público tem sido essencializada, ignorando a diversidade de contextos em que se gestam as relações sociais? A presente proposta de mesa redonda visa responder a essas e outras questões que envolvem a participação pública religiosa. Serão apresentados trabalhos que envolvem pesquisa bibliográfica, pesquisa documental e pesquisa de campo sobre o tema.

 

Mesa-redonda: 8

Modalidade: Presencial

Título: Literatura e Religião: hermenêuticas do Sagrado em diálogo

Proponente: Marcio Cappelli

Participantes:  Marcos Lopes, Marcio Cappelli, Vitor Chaves e Paulo Nogueira

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 9h20 às 11h

Local:  C- 211

Ementa: Literatura e religião ligam-se desde as suas origens. No entanto, ao menos, desde a modernidade, certos fatores provocaram uma tensão nessa relação. Se por um lado o vaticínio do fim da religião ou de seu futuro problemático fez com que escritores/as pensassem o Sagrado como um recurso estilístico indesejável; por outro, o reencatamento da vida social, especialmente visto na segunda metade do século XX, fez surgir "novos amálgamas espirituais" específicos, que nem a crítica moderna e tampouco as categorias clássicas das religiões conseguem dar conta. Nesse sentido, a mesa inscrever-se numa tentativa de pensar caminhos interdisciplinares para compreensão das aproximações e distanciamentos entre religião e literatura.

 

Mesa-redonda: 9

Modalidade: Presencial

Título: Teorias decoloniais e estudos de religião: questões metodológicas e debates sobre o estado atual da questão

Proponente:  Lauri Emilio Wirth

Participantes:  Valéria Cristina Vilhena,  Loyane Aline Pessato Ferreira e  Adriel Adriel Moreira Barbosa

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 13h30 às 15h

Local:  C- 219

Ementa: A mesa discutirá diferentes lici hermenêuticos das teorias decoloniais e possíveis implicações para os estudos da religião, principalmente no que se refere a narrativas religiosas perpassadas por dimensões de colonialidade do ser, do poder e do saber. As teorias decoloniais identificam a persistência atual de formas diversas de dominação, oriundas dos centros coloniais, antigos e atuais, que se evidenciam na imposição de estruturas hierárquicas de classificação, de controle das relações de trabalho, de valoração dos processos de produção de conhecimento, com critérios de fundo étnico, raciais e de gênero, como relações práticas de poder. No que se refere especificamente ao campo religioso, a acolhida das teorias decoloniais revela um processo ainda emergente e carente de avaliação crítica. As implicações hermenêuticas, tanto no que se refere ao corpo conceitual adequado ao estudo da religião, quanto aos temas e atores sociais alçados à condição de interlocutores da produção de conhecimento é um debate aberto e instigante. A partir desse pano de fundo teórico serão debatidos projetos de investigação em curso, no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião da Universidade Metodista de São Paulo, todos, de alguma forma referenciados nos estudos decoloniais. A mesa discutirá implicações de gênero na constituição da memória religiosa do pentecostalismo brasileiro, representações ocidentais do budismo a partir de textos representativos de leituras coloniais de religiões asiáticas e os deslocamentos do conceito de idolatria numa leitura comparada entre o colonialismo espanhol na América Latina e o colonialismo inglês no colonialismo inglês na América do Norte.

 

Mesa-redonda: 10

Modalidade: Presencial

Título: A representação discente em Instituições de Ensino Superior

Proponente: João Gremmelmaier Candido

Participantes:  Carlos Eduardo Mattos; Marco Aurélio Bernardes e Paulo Sérgio Macedo Santos

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  C- 209

Ementa: A mesa redonda tem como proposta debater as formas de representação discente nos cursos de graduação, lato e stricto sensu da Universidade como espelho para a participação dos alunos na gestão acadêmica de seus cursos, de forma direta e indireta nas decisões que são tomadas acerca dos futuros curriculares, de distribuição de aulas, bolsas acadêmicas e outras ações do cotidiano que afetam a qualidade da formação discente. A mesa redonda é portanto aberta a todos os alunos da IES e convida também a comunidade acadêmica externa a debater o tema participativo que se coloca, em momento singular da Educação brasileira.

 

Mesa-redonda: 11

Modalidade: Presencial

Título: Estudos de religiões afro-americanas: diálogos entre Fernando Ortiz e Roger Bastide.

Proponente: Dario Paulo Barrera Rivera

Participantes:  Paulo Barrera Rivera , Claudio Noronha, Naile Braffo Conde e Renan Lescano Romão

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 15h50 às 17h30

Local:  C - 209

Ementa: O processo de escravidão dos povos e grupos étnicos africanos desencadeou diversos fenômenos sincréticos nas sociedades do continente americano. Os/as escravos/as negros/as trouxeram elementos importantes de suas culturas materiais e espirituais, como: a música, a dança, a culinária e a religião. No século XX, desenvolveram-se importantes estudos dos encontros e desencontros sociais e culturais resultantes do longo período de colonização. Entre eles estão os estudos de Fernando Ortiz (1881-1969), considerado o pai da etnologia cubana e Roger Bastide (1898-1974), sem dúvida referência decisiva para explicar o componente africano do ser brasileiro. O primeiro voltou a sua atenção para a “Santería” cubana, o segundo para o Candomblé no Brasil. O diálogo entre as perspectivas teóricas de ambos autores tem sido objeto de pouca atenção. Esta mesa se propõe explorar semelhanças e diferenças entre o pensamento desses dois autores a respeito do complexo fenômeno de aproximação entre povos de culturas e religiões muito diferentes.

 

Mesa-redonda: 13

Modalidade: Presencial

Título: Imagens e espaços eloquentes - pessoas encantadas: a cultura material e visual e as religiões

Proponente: Helmut Renders

Participantes:  Helmut Renders, João Marcos da Silva, Flavia Medeiros, Altierrez Sebastião dos Santos

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 14h às 15h40

Local:  C - 209

Ementa: A cultura visual é um dos campos privilegiados para análise de estruturas e historicidade de práticas religiosas, fato ao qual o PPG em Ciências da Religião da Umesp respondeu a partir de 2003, introduzindo pontualmente estudos de religião na perspectiva e com os métodos da cultura material e cultura visual. Desde a Criação do Grupo de Pesquisa RIMAGO - Cultura Visual Religiosa, o PPG em CdR estabeleceu uma pesquisa mais sistemática do fenômeno e das suas representações e das formas de interação do ser humano com os mesmos. A mesa apresentará pesquisas finalizadas e em andamento e debaterá o uso nessas pesquisas de referenciais teóricas oriundas da história social, da comunicação social, da antropologia visual e das ciências da religião

 

Mesa-redonda: 14

Modalidade: Presencial

Título: A Olimpíada de Matemática contribuindo com o ODS 4 e ODS 5

Proponente: Débora Bezerra Linhares Libório

Participantes:  Débora Bezerra Linhares Libório, Marcelo Modólo, Valter Espindola Thomaz e Vanessa Linhares da Silva Rodrigues

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 21h20 às 23

Local:  D - 112

Ementa: O curso de Matemática da Universidade Metodista de São Paulo desenvolve o projeto de extensão “Olimpíadas de Matemática: Inclusão Social por meio da difusão do conhecimento” que agrega a Olimpiada de Matemática do Grande ABC (OMABC) e a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). A proposta desta mesa é apresentar as contribuições que a OMABC, e a OBMEP vem desenvolvendo no processo de ensino e aprendizagem da Matemática no grande ABC, contribuindo assim com o ODS 4 e ODS 5. Mostraremos também o quanto a Metodista vem cada vez mais se aproximando da comunidade escolar desta região.

 

Mesa-redonda: 16

Modalidade: Presencial

Título: Capacitação e atualização no processo de aprendizagem e promoção da vida

Proponente: Margarida Ribeiro

Participantes: Margarida Fátima Souza Ribeiro e  discentes da FATEO

Campus: Rudge Ramos

Data: 22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local: D - 122

Ementa: Ciência para a paz e para o desenvolvimento sustentável. A mesa redonda apresenta vários dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), em especial o 4 e 5 "Assegurar a educação inclusiva, equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida" e "Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres". Apresenta a capacitação e atualização do processo de aprendizagem, por meio de experiências vivenciadas na América Andina e em Moçambique. Também visibiliza a integração de estudantes de diversas áreas do conhecimento em diferentes comunidades carentes no Brasil, parceria entre a Igreja Metodista, Universidades e poder público, desafiando ao exercício do voluntariado, solidariedade e promovendo vida digna.

 

Mesa-redonda: 17

Modalidade: Presencial

Título: Literatura de Memória Joanina

Proponente:  Paulo Roberto Garcia

Participantes:  Paulo Roberto Garcia, Antonio Carlos Soares e Danielle Lucy Bósio Frederico

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 14h às 15h40

Local: C - 213

Ementa: Estudar as expressões religiosas de grupos cristãos periféricos do primeiro século, tendo como foco principal o cristianismo joanino e suas interações com o mundo greco-romano concentrados na bacia do Mediterrâneo.

 

Mesa-redonda: 20

Modalidade: Presencial

Título: Religião e Dinâmicas Psicossociais

Proponente: Blanches de Paula

Participantes: Armando Altino da Silva Junior, Cristiane dos Santos Viturino Silva, Felipe Donadon, Rosa Marlene Xavier de Lima e Vardilei Ribeiro da Silva

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 9h20 às 11h

Local:  C - 213

Ementa: As leituras sobre o ser humano têm percorrido as ciências no decorrer da história, especialmente na indagação sobre sua identidade. Essas leituras envolvem o campo das Ciências da Religião como interlocutoras das pesquisas que abarcam esse ser humano. Um dessas dimensões é a relação entre a religião e as dinâmicas psicossociais. Como uma linha de pesquisa no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião, as dinâmicas psicossociais trazem à tona fenômenos humanos que desafiam e instigam o aprofundamento e o fomento de pesquisas. Diante disso, nossa proposta de Mesa, denominada Religião e Dinâmicas Psicossociais, tem por objetivo apresentar pesquisas em andamento sobre temas relacionados à psicologia da religião, dinâmicas psicossociais e práticas religiosas no mundo contemporâneo. Como introdução à mesa, serão oferecidos alguns aportes gerais sobre a relação entre Religião e Dinâmicas Psicossociais. Num segundo momento, serão apresentados temas das pesquisas em andamento dos/as orientandos/as que têm se debruçado nessa linha de pesquisa.

A relação entre a psicologia e o desenvolvimento religioso é um primeiro retrato dessas pesquisas, cuja intencionalidade é correlacionar o desenvolvimento humano com a fé. Um exemplo, são os estudos sobre o fenômeno do suicídio e a religião. Essa temática será abordada a partir de duas perspectivas: suicídio, adolescência e religião e suicídio, religião e espiritualidade. O fenômeno da depressão é outro tema que será abordado pela Mesa e que faz parte das pesquisa em andamentos no Programa. Esse diálogo entre religião e depressão nos convida a estreitarmos interesses de pesquisa entre as Ciências da Religião e a saúde. Também teremos a oportunidade de apresentar uma pesquisa sobre a relação entre a tradição budista sino-tibetana, a morte e o luto e seus desdobramentos no campo do psiquismo.

Espera-se com as pesquisas apresentadas nesta Mesa, ampliar a reflexão e produção acadêmica no campo das Ciências da Religião na interface da saúde, da identidade humana, sentidos de vida e das relações psicossociais na sociedade.

 

Mesa-redonda: 21

Modalidade: Presencial

Título: PROJETO RONDON SP

Proponente: Francisco Henrique da Costa

Participantes:  Ismael Forte Valentin, Kelly Eliane Marraccini Burchioni Thainá Caroline Santos, Alexandre Silva Santana, Alessandra de Souza Barros

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 21h30 às 23h

Local:  D - 122

Ementa: O Projeto Rondon®, orientado pelos princípios da democracia, da responsabilidade social e da defesa dos interesses nacionais, tem como missão viabilizar a participação do estudante universitário nos processos de desenvolvimento sustentável, do fortalecimento da cidadania, através da vivência em localidades distintas, preconizados pela extensão universitária.

 

Mesa-redonda: 27

Modalidade: Presencial

Título: Missão China 2019/2020: experiências e oportunidades

Proponente: Karin Müller

Participantes:  Vanessa Martins, Fabio Eloi, Alexandra Gonzalez, Vinicius Dragone, Karima Bolsoni, Victor Lenza, Jing Liu e Yunchuan Zang

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  Auditório Delta

Ementa: Apresenta o relato de experiências do time que participou da Missão China 2019 e também apresenta o novo edital para 2020, com a participação da Comitiva da Universidade de Wuhan, China.

 

Mesa-redonda: 30

Modalidade: Presencial

Título: A inclusão dos grupos de afinidades por meio da tecnologia

Proponente: Maria Cristina Teixeira

Participantes:  Patrícia Brecht Inarelli, Marissol de Melo Alves e Eduardo Grossi

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  L - 237

Ementa: As possibilidades de realização da cidadania e da qualificação para o mercado de trabalho por meio da tecnologia, instrumento da educação e da qualificação para o ingresso no mercado de trabalho, especialmente em relação às situações de vulnerabilidade social.

 

Mesa-redonda: 31

Modalidade: Presencial

Título: Conciliação e Mediação na solução de conflitos

Proponente: Alessandra Maria Sabatine Zambone

Participantes:  Daniela Pozza Batista e Elaine Cristina Saraiva Bentivlogio

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 21h30 às 23h

Local:  L - 328

Ementa: Reconhecer a Conciliação e Mediação como formas alternativas para a rápida e efetiva solução de conflitos sem que, necessariamente, seja preciso recorrer ao Poder Judiciário. Identificá-las como meios alternativos para solução de litígios que possibilitam excelentes resultados aos envolvidos que, reciprocamente, assumem responsabilidades e compromissos na solução dos problemas que surgem no convívio social.

 

Mesa-redonda: 32

Modalidade: Presencial

Título: Os desafios do Direito Internacional: ensino, pesquisa e mercado de trabalho.

Proponente: Barbara Mourão Sachett

Participantes:  Barbara Mourão Sachett e Paulo Henrique Reis de Oliveira

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 21h30 às 23h

Local:  L - 343

Ementa: A mesa redonda terá como objetivo discutir os aspectos ligados à carreira em Direito Internacional, do ponto de vista do mercado de trabalho, do ensino e da pesquisa.

 

Mesa-redonda: 33

Modalidade: Presencial

Título: O papel das universidades no Desenvolvimento Econômico Regional

Proponente: Observatório Econômico

Participantes:  Silvia Cristina da Silva Okabayashi, Sandro Renato Maskio, Norberto Luiz Perrella e Anapatrícia de Oliveira Morales Vilha

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 14h às 15h40

Local:  L - 328

Ementa: Discuti as universidades como promotoras de desenvolvimento local/regional, a partir de várias vertentes, das quais destaca-se a implantação e fortalecimento de instituições de ensino e pesquisa, responsáveis não somente pela formação de mão de obra qualificada, mas pela geração de um conjunto de conhecimentos multiplicadores de produtos, técnicas, tecnologias e também de novos conhecimentos.

 

Mesa-redonda: 28

Título: EPAC na Metodista - Encontro de profissionais e Acadêmicos de Contabilidade

Participantes:  Alunos de Cinecias Contábeis

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 23H

Local:  Salão Nobre

 

Mesa-redonda: 29

Título: EPAC na Metodista - Encontro de profissionais e Acadêmicos de Contabilidade

Participantes:  Alunos de Cinecias Contábeis

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 19h30 às 23H

Local:  Auditório Capa

 

Mesa-redonda: 34

Título: Comunicação e educação humanitárias

Participantes:   Elisabete Ferreira Campos Esteves (PPGE) e  Luiz Farias (Póscom)

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  C - 111

Ementa: Como a educação e a comunicação podem agir para uma eficácia maior na compreensão das necessidades daqueles que não conseguem encontrar caminhos e nem têm vozes para reivindicar uma vida mais justa, mais igual e mais cidadã?

 

Mesa-redonda: 35

Título:  Intolerância no mundo contemporâneo

Participantes:   Dimas Kunsch (Póscom), Profa. Dra Rosa Maria Frugoli da Silva (PósPsico) e  Vitor Chaves de Souza (PPGCR)

Campus:  Rudge Ramos

Data:  22/10/2019

Horário: 19h30 às 21h10

Local:  C - 111

Ementa: Diante dos estereótipos já imbuídos no pensamento social, qual o papel da comunicação para a promoção da quebra de tabus e na aproximação de várias vertentes religiosas visando respeito mútuo no agenciamento da paz e do bom convívio entre elas?

 

­­­

Mesa-redonda: 36

Título: Media Literacy

Participantes:   Claudio Fernando André e  Fábio Botelho Josgrilberg

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 21h20 às 23h

Local:  C - 113

Ementa: A destreza em acessar, criar e compreender os mais diversos contextos da mídia, propiciando um pensamento crítico traduzido nos questionamentos, nas análises e na capacitação em trabalhar o conhecimento por meio das tecnologias contemporâneas. Possibilidade de promover um acesso mais igual à informação e ao conhecimento.

 

Mesa-redonda: 37

Título: O clima escolar e a organização do trabalho docente: condições fundamentais para a educação integral

Participantes:  Cristina Miyuki Hashizume,  Denise D” Aurea Tardeli e Profa. Elisabete Ferreira Esteves Campos

Campus:  Rudge Ramos

Data:  23/10/2019

Horário: 13h30 às 16h

Local:  C - 117

Ementa: Os sentidos da educação integral vêm se destacando nos debates educacionais. A dimensão global na formação humana – cognitiva, afetiva, cultural, ética, estética – visando à educação emancipadora, implica em compreender conceitos e propósitos, bem como as condições objetivas para uma atuação qualificada dos profissionais da educação. O clima escolar positivo, em um ambiente de relações afetivas e dialógicas, é fundamental nesse processo, que será analisado em diferentes perspectivas.

 

 

 

Comunicar erros