Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Ciências Sociais / Notícias / Professora Claudete Pagotto fala ao DGABC sobre 50 anos de morte de Che Guevara

Professora Claudete Pagotto fala ao DGABC sobre 50 anos de morte de Che Guevara

Publicação cita que, ao lado do mito, a esquerda vive grande crise na América Latina

11/10/2017 15h45 - última modificação 11/10/2017 15h45

Governos de esquerda não deram certo na América Latina porque deixaram de assumir o que era pregado pelo socialismo e que Che Guevara defendeu enquanto guerrilheiro e, posteriormente, ministro em Cuba. “Na verdade, eles foram alternativa ao neoliberalismo. Mas não procuraram estruturas políticas e econômicas que rompessem com o neoliberalismo vigente”, afirma a coordenadora do curso de Ciências Sociais da Metodista, professora Claudete Pagotto, em reportagem do Diário do Grande ABC que lembra os 50 anos de morte de Ernesto Che Guevara, em 9 de outubro último.

A matéria cita que o mito sobre o argentino nascido em Rosário permanece meio século depois, mas emerge ao lado dele uma crise sem precedentes na esquerda latina.

Leia a íntegra da reportagem.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , ,

CLAUDETE PAGOTTO - COORDENADORA

Veja o minicurrículo

 


Receba informações de oferecimento deste curso

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: