Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Assessoria de Relações Internacionais / Notícias / 2009 / Docente ganha bolsa para lecionar na Europa

Docente ganha bolsa para lecionar na Europa

22/09/09

22/09/2009 22h01 - última modificação 23/09/2009 18h01

A professora Mirlene Maria Matias Siqueira, do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde, ministrará aulas no Velho Continente em 2010

A professora do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde, Mirlene Maria Matias Siqueira, com o auxílio da Assessoria de Relações Internacionais (ARI) da Universidade Metodista de São Paulo, participou da seleção para o Programa Erasmus Mundus, um dos mais conceituados da Europa. Neste mês, a professora recebeu o comunicado oficial de que receberá bolsa integral durante três meses, entre janeiro e julho de 2010, para lecionar mestrado de Psicologia Organizacional e do Trabalho na Universidade de Coimbra, em Portugal, e na Universidade de Valência, na Espanha.

O Programa Erasmus Mundus (clique na imagem para saber mais informações) é financiado pela União Européia e tem como objetivo contribuir para a prática de pesquisas acadêmicas e intercâmbio entre instituições de Ensino Superior da Europa e de países de outros continentes, procurando estudantes e docentes do mundo todo.

A professora Mirlene Siqueira, selecionada por seu currículo acadêmico enviado pela internet e por correio, ficou satisfeita com o resultado e acredita que essa nova experiência tem muito a acrescentar na sua vida profissional. “Eu concorri com gente de diversos países, então foi um presente que a vida me deu. Nós, que atuamos em Pós-Graduação e com área de pesquisa, precisamos sempre conhecer novos especialistas e novos trabalhos. Essa é a oportunidade que terei e isso me valorizará como profissional”, complementou.

Sobre a importância para a Metodista, a assessora de Relações Internacionais, Vanessa Martins, afirmou que a presença da professora no Programa Erasmus Mundus contribuirá para abrir caminhos para a Universidade. “É uma chance de conseguirmos novas parcerias e mais programas de intercâmbios para alunos e professores”, concluiu.


Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , ,